Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media

CM lidera venda de jornais com 61,6% do mercado

Nos dois primeiros meses do ano, o Correio da Manhã vendeu 73 192 exemplares por dia.
Sónia Dias 30 de Abril de 2019 às 01:30
Redação do Correio da Manhã e CMTV
Redação do Correio da Manhã e CMTV
 Redação do CM/CMTV
Redação do Correio da Manhã e CMTV
Redação do Correio da Manhã e CMTV
 Redação do CM/CMTV
Redação do Correio da Manhã e CMTV
Redação do Correio da Manhã e CMTV
 Redação do CM/CMTV
Entre janeiro e fevereiro deste ano, o Correio da Manhã voltou a ser o jornal preferido dos portugueses, com um volume de vendas em banca muito superior a todas as outras publicações nacionais.

Segundo os dados divulgados pela Associação Portuguesa para o Controlo de Tiragem e Circulação (APCT), nos primeiros dois meses deste ano o CM vendeu uma média de 73 192 exemplares por dia em banca e registou uma quota de mercado de 61,6%.

Isto significa que em cada 100 compradores de jornais diários generalistas, cerca de 62 escolhem o CM.

Em segundo lugar na tabela dos maiores jornais e revistas de informação portugueses continua a estar o ‘Expresso’. O semanário vendeu uma média de 54 784 exemplares, sofrendo uma quebra de 5% face a igual período do ano passado.

O ‘Jornal de Notícias’ mantém-se na terceira posição da tabela, com 31 918 jornais vendidos diariamente, o que significa uma descida de 10%. O quarto lugar pertence ao desportivo ‘Record’, que vendeu uma média de 28 051 exemplares por dia.

Já a revista ‘Sábado’, que ocupa o quinto lugar, registou vendas semanais de 20 378 exemplares. Logo a seguir surge a ‘Visão’, com 15 778 exemplares vendidos.

Com 13 620 exemplares por dia, o ‘Público’ ficou em sétimo lugar, seguido pelo desportivo ‘O Jogo’, que ocupa o último lugar, com uma média de 10 061 vendas em banca.

O ‘Diário de Notícias’, que desde julho passou a ser semanário, vendeu 4275 jornais, registando uma descida de 32%.

Em termos globais, a crise continua a afetar a venda de jornais generalistas em Portugal, com este mercado a registar uma queda de 7,4% entre janeiro e fevereiro, o que equivale a uma perda de 9427 exemplares relativamente ao ano anterior.

De referir ainda que o diário ‘i’, o semanário ‘Sol’ e o desportivo ‘A Bola’ optaram por não ser auditados pela APCT.

‘Sábado’ aumenta vendas em banca
A revista ‘Sábado’ aumentou as suas vendas em banca nos dois primeiros meses do ano. A publicação, que ocupa o quinto lugar entre os maiores títulos de informação, vendeu 20 378 exemplares, mais 275 (subida de 1%).

‘TV Guia’ é a única a subir no segmento
A ‘TV Guia’ foi a única revista no segmento de televisão a subir entre janeiro e fevereiro, ao vender uma média de 41 419 exemplares semanais, mais 2989 que no mesmo período do ano passado (subida de 8%).
Correio da Manhã APCT Jornal de Notícias Expresso O Jogo Diário de Notícias Portugal TV Guia Sol A Bola
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)