Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
8

Cobra de Cinha leva GNR aos estúdios da TVI

Uma chamada anónima levou ontem quatro agentes da GNR de Sintra, que integram a Equipa de Protecção da Natureza e do Ambiente (EPNA), à sede da TVI para averiguar da legalidade da cobra que Cinha Jardim mostrou no programa ‘Você na TV!’.
1 de Fevereiro de 2006 às 00:00
Cinha Jardim beija a cobra rei da Califórnia, responsável pela confusão no canal de Queluz de Baixo
Cinha Jardim beija a cobra rei da Califórnia, responsável pela confusão no canal de Queluz de Baixo FOTO: Manuel Moreira
Segundo fonte policial, “a GNR teve conhecimento do caso a partir de uma denúncia anónima feita por telefone”. Já na TVI, os quatro agentes verificaram que o réptil em causa, uma cobra rei da Califórnia, “não integra a lista de espécies protegidas e que toda a documentação se encontra de acordo com a lei”. Por esse motivo, e também por se tratar de uma espécie inofensiva, a cobra não foi apreendida.
Os agentes da EPNA nunca estiveram em contacto com Cinha Jardim. “A cobra ainda não é minha”, explicou Cinha ao CM. “Eles falaram com o dono da cobra – proprietário da loja Água Viva – que tinha todos os papéis da cobra em dia”, afirma. Pedro Cabral, o dono da referida loja de animais e aquarofilia, confirma os factos.
“A cobra ainda não é minha, mas é como se já fosse”, diz Cinha, que pretende adquirir o réptil. “Ela já vai a minha casa para se ambientar com a Juanita (a cadela boxer de Cinha). E a loja do Pedro Cabral fica mesmo ao lado de minha casa. Portanto, passo lá horas com a cobra, que já conheço há quase dois anos”, acrescenta.
Manuel Luís Goucha e Cristina Ferreira estranham a deslocação da GNR às instalações da TVI. O apresentador desconhecia até o facto: “Estou a saber por si.” E a colega entende que a queixa resulta apenas de se “querer criar alaridos sem qualquer motivo”.
A FOBIA DOS APRESENTADORES
A decisão de levar uma cobra ao estúdio do ‘Você na TV!’ partiu de uma conversa entre Cinha Jardim e os apresentadores do programa, Manuel Luís Goucha e Cristina Ferreira, durante mais uma edição de ‘Dizem Elas’, rubrica das terças-feiras. “O desafio foi lançado por mim e pela Cristina, mas nunca pensámos que a Cinha fosse mesmo trazer a cobra”, diz Manuel Luís Goucha. “É que tanto eu como a Cristina temos fobia de cobras”, acrescenta o apresentador. Cristina Ferreira conta que só se aperceberam de que a cobra ia entrar naquele exacto momento. “E aí, já não há nada a fazer. Mas foi um episódio muito engraçado, até porque o Manuel tentou vencer o medo, deixando que a Cinha colocasse a cobra no braço. Mas não perdeu na mesma”, brinca Cristina. No entanto, o episódio teve graça, “mas só ao longe! São animais que me repugnam e causam pânico.”
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)