Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
2

Gastos de 28,4 milhões na RTP

Canal público revela documento sobre concursos e ajustes.
Duarte Faria 14 de Maio de 2015 às 09:11
Alberto da Ponte presidiu o grupo RTP em 2014
Alberto da Ponte presidiu o grupo RTP em 2014 FOTO: Pedro Catarino
No ano passado, a RTP gastou 28,4 milhões de euros em ajustes diretos e concursos públicos, revela um documento sobre o volume de consultas publicado pela empresa pública no seu site.

Deste valor, 15 milhões de euros correspondem a adjudicações feitas com recurso a concursos públicos e 10,4 milhões de euros foram investidos em contratos cujos adjudicatários foram decididos por ajustes diretos. Os restantes 3 milhões foram gastos em outros contratos.

No mesmo documento, o grupo público de rádio e televisão esclarece que, em relação a estas consultas, "procurou manter-se a linha de orientação que tem vindo a ser desenvolvida" e que visa "a melhoria da capacidade de resposta, através da agilização dos processos e da tipificação dos procedimentos, sem prejuízo do estrito cumprimento do enquadramento legal em vigor e das normas internas vigentes". A RTP, na altura liderada por Alberto da Ponte (Gonçalo Reis assumiu o cargo em fevereiro), informa ainda que "o número de concursos públicos atingiu o nível máximo desde a entrada em vigor das normas de contratação pública" devido à "redução do limiar legal do ajuste direto para 75 mil euros".

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)