Cerimónia de Paris falha a hora exata do centenário do armistício da I Guerra Mundial

Cerimónia deveria iniciar-se "à 11.ª hora, do 11.º dia do 11.º mês", como o cessar-fogo em 1918, mas atrasou-se.
Por Lusa|11.11.18

As comemorações do Armistício da Primeira Guerra Mundial, que reúne em Paris líderes mundiais, começaram depois da hora prevista, falhando o simbolismo do momento em que há 100 anos o silêncio da paz substituiu o estrondo das armas.

A cerimónia deveria iniciar-se "à 11.ª hora, do 11.º dia do 11.º mês", como o cessar-fogo em 1918, com honras militares e a homenagem aos mortos, seguida do hino nacional de França.

Quando os sinos marcando a hora do armistício (11h00 locais, 10h00 em Lisboa) começaram a soar em Paris e em muitas nações atingidas pelos quatro anos de massacre, o presidente francês Emmanuel Macron e outros líderes ainda estavam a caminho do centenário local no Arco do Triunfo.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!