Estilistas Dolce&Gabbana condenados a 18 meses de prisão

A dupla já tinha sido condenada em 2013.
30.04.14
  • partilhe
  • 0
  • +
Estilistas Dolce&Gabbana condenados a 18 meses de prisão
Foto Reuters

Os estilistas da marca Dolce&Gabbana foram conedados a 18 meses de prisão por fraude fiscal. O crime remonta a 2010 e os criadores terão lucrado cerca de 200 milhões de euros.

O advogado de Domenico Dolce e Stefano Gabbana vai recorrer da decisão.

De acordo com o site ‘Notícias ao Minuto' a dupla criou, entre 2004 e 2005, uma empresa fantasma em Luxemburgo, que detinha o controlo das marcas do grupo para iludir o fisco italiano mas, na realidade, a empresa continuava a ser gerida a partir de Itália.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
2 Comentários
  • De BOKAS01.05.14
    ELES PAGAM UNS MILHÕES E FICAM SOLTOS...a justiça quer é dinheiro
    Responder
     
     2
    !
  • De rosinda01.05.14
    a roupa deles e lindissima!Mas isso nao lhe da o direito de serem vigaristas!
    Responder
     
     0
    !