Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Ministro nega ter sabido de falsas licenciaturas de chefe de Gabinete

Tiago Brandão Rodrigues diz que desconhecia "incorreção no despacho de nomeação".
28 de Outubro de 2016 às 21:20
O ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues
O ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues FOTO: Fernando Veludo/Lusa
O ministro da Educação emitiu um comunicado sobre a demissão de Nuno Félix do cargo de chefe de gabinete do secretário de Estado da Juventude e do Desporto. Tiago Brandão Rodrigues nega que tenha tido conhecimento que Nuno Félix tenha ssumido o cargo indicando ter duas licenciaturas que nunca concluiu.

Eis o comunicado do ministro:

"O Ministro da Educação desmente que tenha tido conhecimento de que havia uma incorreção no despacho de nomeação assinado pelo antigo Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Meneses, relativamente ao seu Chefe do Gabinete.

A referida incorreção relativa ao percurso académico de Nuno Félix só agora chega ao conhecimento do Ministro da Educação, num momento em que a mesma já estava conforme. De facto, o despacho de nomeação assinado pelo atual Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, refere "a frequência" de duas licenciaturas.

O ex-Secretário de Estado não saiu devido a questões relacionadas com o seu Chefe do Gabinete, inclusivamente a incorreção do seu despacho de nomeação.

A constituição das equipas é da exclusiva responsabilidade de quem tem a sua tutela direta".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)