Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
7

‘Virados’ procura alcançar ‘Maias’

Filme de época realizado por João Botelho lidera lista nacional de 2014.
Hugo Real 27 de Dezembro de 2014 às 20:09
Diogo Morgado e Vanessa Ferreira numa das cenas do filme
Diogo Morgado e Vanessa Ferreira numa das cenas do filme FOTO: D.R.

Com o aproximar do final do ano, dois filmes lusos lutam pelo título do mais visto em 2014.

De acordo com dados do Instituto do Cinema e do Audiovisual (ICA), e até ao dia 24 de dezembro, ‘Virados do Avesso’ já tinha levado às salas nacionais 97 715 espectadores, tendo obtido mais de meio milhão de euros em receitas.

Contudo, os números da comédia dirigida por Edgar Pêra deverão ser ainda maiores, já que o ICA informa que estão ainda em falta as informações de dois exibidores para os dados da última semana. Ou seja, ‘Virados do Avesso’ já terá ultrapassado a fasquia dos 100 mil espectadores em Portugal.

Ainda assim, a liderança de 2014 continua a pertencer a ‘Os Maias – Cenas da Vida Romântica’, de João Botelho, que levou às salas mais de 113 mil espectadores (gerando 564 mil euros em receitas).

A fechar o pódio deste ano surge ‘Os Gatos Não Têm Vertigens’, de António-Pedro Vasconcelos, que foi visto por mais de 93 mil espectadores (476 mil euros em bilheteira).

De resto, estes três filmes entraram no top 20 das películas nacionais mais vistas desde 2004 (ano em que o ICA começou a compilar estes dados). ‘Os Maias’ surge na décima posição, enquanto que ‘Virados do Avesso’ ocupa o 12º lugar, imediatamente à frente de ‘Os Gatos Não Têm Vertigens’.

Referência ainda para ‘Sei Lá’, também estreado este ano. O filme de Joaquim Leitão, que adapta a obra de Margarida Rebelo Pinto, surge na 17ª posição deste ranking (61 730 espectadores e 315 mil euros de receitas), que continua a ser liderado por ‘O Crime do Padre Amaro’. O filme, realizado por Carlos Coelho da Silva e estreado em 2005, foi visto por 380 mil pessoas (1,6 milhões em bilheteira).

filme gays virados avesso lista nacional cinema
Ver comentários