Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

Claque do Boavista destrói restaurante e parte para agressões nos Açores

Líder dos "Panteras Negras" foi detido e responde por crimes de ofensa à integridade física qualificada, ameaça e dano.
1 de Setembro de 2018 às 20:32
Adeptos Boavista
Adeptos Boavista
Adeptos Boavista
Adeptos Boavista
Adeptos Boavista
Adeptos Boavista

Cinco funcionários de um restaurante foram transportados para o Hospital Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, na sequência de agressões alegadamente provocadas por elementos da claque do Boavista, que defrontou este sábado o Santa Clara.

O incidente ocorreu quinta-feira e está a ser investigado pela divisão local da PSP, após os funcionários terem apresentado queixas na esquadra.

Ao que apurámos, as agressões começaram devido à demora na chegada das refeições às mesas, sendo que um dos funcionários chegou a perder os sentidos.

Os prejuízos do restaurante foram avultados, com diversas garrafas de vinho partidas, além de copos, pratos e até a caixa registadora.

Os outros clientes que estavam no local acabaram por fugir sem pagar as contas com medo de sofrerem agressões.

Contactada por Record, fonte oficial do Boavista afirmou desconhecer o episódio pelo que recusou fazer qualquer comentário sobre o assunto.






Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)