Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Juve Leo diz que Bruno de Carvalho não teve nada a ver com ataque em Alcochete

Líder Mustafá garante que a principal claque está com o plantel do Sporting e anuncia processo interno.
19 de Maio de 2018 às 22:20
O líder da Juventude Leonina, Nuno Vieira - mais conhecido como Mustafá -, revelou que a principal claque do Sporting vai "instaurar um processo interno para apurar sobre o envolvimento de qualquer elemento desta associação" no ataque ao plantel verde e branca, em Alcochete na terça-feira, frisando que serão depois tomadas sanções em função do que for decidido, avança o Record.

Mustafá adiantou que "em nenhum momento houve qualquer sugestão ou aval do presidente ou de elemento do Sporting para haver uma ação contra os jogadores", negando assim que Bruno de Carvalho ou outra qualquer pessoa ligada ao clube tivesse feito qualquer encomenda nesse sentido. Ao mesmo tempo, sublinhou que o que se passou nesse dia na Academia foi "grave" e que a Juve Leo "condena qualquer violência no desporto".

Numa declaração aos jornalistas com nove pontos, o líder da Juve Leo deixou ainda uma palavra de apoio ao plantel e frisou que não existe desunião: "Enquanto líder desta associação quero dizer aos jogadores, às suas famílias, à equipa técnica, especialmente ao míster Jorge Jesus, a toda a direção, presidente, a todos os sócios e simpatizantes, ao Sporting Clube de Portugal, que os apoiamos incondicionalmente no passado, hoje e sempre."

Questionado sobre que reação espera dos jogadores no domingo, Mustafá foi sucinto. "Ganhar, como sempre. Os jogadores do Sporting nunca tiveram tanto apoio como com esta direção leonina", vincou, finalizando: "A final da Taça é, por tradição, um dia de festa e apelo a todos para uma jornada de apoio ao Sporting."
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)