Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Sporting nega carta branca de Bruno de Carvalho a agressões

Fonte oficial do clube confirma ao 'Sol' presença do presidente dos leões em jantar da Juve Leo mas recusa reunião.
19 de Maio de 2018 às 11:05
Bruno de Carvalho, presidente do Sporting
Bruno de Carvalho, presidente do Sporting
Bruno de Carvalho, presidente do Sporting
Bruno de Carvalho, presidente do Sporting
Bruno de Carvalho, presidente do Sporting
Bruno de Carvalho, presidente do Sporting
Bruno de Carvalho, presidente do Sporting
Bruno de Carvalho, presidente do Sporting
Bruno de Carvalho, presidente do Sporting
O Sporting nega que Bruno de Carvalho tenha dado aval às agressões que ocorreram na passada terça-feira na Academia de Alcochete a jogadores e equipa técnica do Sporting. 

A manchete do 'Sol', deste sábado, refere que o presidente do Sporting reuniu-se com a Juve Leo e que terá dado a estes carta branca. Fonte oficial do clube de Alvalade confirmou ao semanário que Bruno de Carvalho esteve num jantar em abril com a claque, mas nega reunião.

"Não existiu reunião. Houve sim, a 7 de abril, um jantar da Juve Leo em Alvalade, em que Bruno de Carvalho esteve presente", afirmou ao 'Sol' fonte oficial do Sporting, assegurando que, quando alguém sugeriu ir "dar um 'apertão' aos jogadores", o presidente leonino respondeu: "temos de lá ir, sim. Mas não para dar apertões. Temos de lá ir todos falar com eles, para apoiar".

Segundo a versão do semanário, Bruno de Carvalho terá dado carta branca à Juve Leo para fazer "o que entendesse", numa reunião que aconteceu na sede da claque a 6 de abril, após a derrota por 2-0 frente ao Atlético de Madrid.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)