Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Sporting precisa de 41 milhões de euros até 30 de junho

SAD leonina confirma intenção de antecipar receitas do contrato com a NOS.
Mário Pereira 28 de Fevereiro de 2019 às 08:45
Frederico Varandas
Frederico Varandas participou na festa do 25º aniversário do Núcleo Sportinguista de Fafe
Frederico Varandas
Frederico Varandas
Frederico Varandas
Frederico Varandas participou na festa do 25º aniversário do Núcleo Sportinguista de Fafe
Frederico Varandas
Frederico Varandas
Frederico Varandas
Frederico Varandas participou na festa do 25º aniversário do Núcleo Sportinguista de Fafe
Frederico Varandas
Frederico Varandas
O Sporting está em asfixia financeira e tem necessidades de tesouraria que precisa de satisfazer nos próximos 12 meses na ordem dos 65 milhões de euros, dos quais 41 milhões até 30 de junho.

Estes dados constam de um documento esta quarta-feira enviado à Comissão do Mercado de Valores Imobiliários (CMVM), onde é feita uma radiografia da atual situação financeira da SAD do clube.

"O fundo de maneio e os saldos de caixa e equivalentes não são suficientes para cobrir as necessidades", pode ler-se.

"Estimamos que a insuficiência de recursos se manifeste no final de abril de 2019", refere o prospeto da SAD. Nesse sentido, o Sporting vai tentar antecipar receitas do contrato da NOS relativo à cedência dos direitos de transmissão televisiva dos jogos da equipa de futebol.

A administração presidida por Frederico Varandas anunciou ainda a intenção de realizar no espaço de um ano novas operações de financiamento, através de empréstimos bancários ou emissões obrigacionistas.

A SAD vai ainda tentar obter novos patrocínios relacionados com a equipa de futebol e a Academia. A venda de jogadores é um cenário que a SAD admite de forma a satisfazer necessidades de liquidez.

Ontem, num encontro com funcionários do clube em Alcochete, Frederico Varandas disse que "não se chega a lado nenhum sem sacrifícios".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)