Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Dérbi madrileno com pouco Félix

Jovem avançado português revelou pouca pontaria.
Francisco Laranjeira 29 de Setembro de 2019 às 09:38
João Félix foi alvo de marcação cerrada ao longo dos 70 minutos em campo
João Félix foi alvo de marcação cerrada ao longo dos 70 minutos em campo FOTO: Reuters
Quem esperou a reedição dos 7-3 num particular de pré-época entre os gigantes de Madrid, com João Félix em particular destaque, enganou-se. Agora para a liga espanhola, em jogo da 7ª jornada, os rivais de Madrid não saíram de um teimoso nulo. João Félix foi aposta no onze do Atl. Madrid – foi rendido aos 70’, por Llorente – e acabou por mostrar-se desinspirado.

Com Sergio Ramos sempre de olho posto no prodígio português, o avançado, ainda assim, criou o primeiro momento de frisson no Wanda Metropolitano, com um remate cruzado aos 8’ mas sem a pontaria desejada. Foi um lampejo de classe que só voltou a repetir-se aos 38’, igualmente sem a melhor direção. Se João Félix levava às costas o ataque madridista, Oblak fechava as redes, com destaque aos 40’, numa grande defesa ao remate de Toni Kroos.

O intervalo não trouxe lucidez atacante a nenhuma das equipas mas o guarda-redes esloveno continuou a mostrar-se imbatível. Aos 75’, mergulhou para travar cabeceamento de Benzema. Com o nulo, os merengues reassumem a liderança da prova, ao passo que o Atlético mantém-se em terceiro.
João Félix Llorente Madrid Atl desporto futebol
Ver comentários