Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

Luiz Phellype mantém titularidade no Sporting mesmo com Bas Dost apto

Avançado holandês treina sem limitações e deve ser opção para o decorrer do jogo com o V. Guimarães.
Mário Figueiredo 26 de Abril de 2019 às 08:43
Luiz Phellype
Bas Dost em jogo do Sporting
Bas Dost
Luiz Phellype
Bas Dost em jogo do Sporting
Bas Dost
Luiz Phellype
Bas Dost em jogo do Sporting
Bas Dost
Luiz Phellype deverá manter a titularidade no onze do Sporting frente ao V. Guimarães (amanhã), apesar de o goleador holandês Bas Dost já estar apto, apurou o CM.

Marcel Keizer teve à sua disposição praticamente todos os jogadores, com exceção de Battaglia, no treino desta quinta-feira.

É certo que vai proceder a mexidas no onze, pois não pode contar com Gudelj, que cumpre um jogo de castigo, e deverá dar a titularidade da baliza a Renan. Também Borja deve assumir o seu lugar no lado esquerdo da defesa, permitindo a subida para extremo de Acuña.

Contudo, não deverá mexer no ponta de lança. Luiz Phellype continua a merecer a confiança do técnico depois de ter marcado cinco golos nos últimos quatro jogos na Liga. O brasileiro parte na frente, mas Bas Dost deverá ser opção no decorrer do jogo. É uma forma de ganhar ritmo a pensar nos próximos desafios que terão o ponto alto na final da Taça de Portugal.

Além disso, Luiz Phellype é um dos seis jogadores do Sporting em risco de verem um quinto cartão amarelo, que os obrigará a falhar o jogo seguinte. E nesse caso será necessário recorrer a Bas Dost que, sabe o CM, quer aproveitar estes últimos jogos para convencer alguns dos pretendentes à sua contratação. Os outros atletas em risco são Bruno Fernandes, Coates, Ristovski, Jefferson e Bruno Gaspar.

"Falamos de um homicídio"
Frederico Varandas reagiu esta quinta-feira à interdição de quatro jogos de futsal no Pavilhão João Rocha, lamentando o ‘timing’ da decisão que demorou "oito meses".

"Agora a fasquia está muito alta. Por quatro vezes, esta época, assisti ao que tem acontecido ano após ano, onde ouvimos cânticos que reproduzem o som de um homicídio de uma pessoa [barulho a imitar um very light]. Por mim seria melhor suspender o jogo e retirar esses selvagens do recinto. Estamos a falar de um homicídio", disse.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)