Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Portugal e Espanha já apresentaram candidatura para organizar Mundial 2030. Veja o vídeo

Presidentes das federações destacaram que se assinalam os 100 anos do primeiro dérbi ibérico.
Correio da Manhã 4 de Junho de 2021 às 18:23
A carregar o vídeo ...
#Vamos2030: Portugal e Espanha apresentam candidatura para organizar Mundial 2030

Decorreu esta sexta-feira a apresentação da candidatura de Portugal e Espanha à organização do Mundial de Futebol 2030, sob o mote Vamos2030. O evento contou com a presença dos presidentes duas Federações de futebol da Península Ibérica, assim como os representantes governativos (de Portugal estiveram António Costa e Marcelo Rebelo de Sousa).

A cerimónia iniciou-se com um vídeo de apresentação da candidatura, onde aparecem rostos relevantes do mundo futebolístico português e espanhol: Luís Figo, Fernando Santos ou Futre surgem a destacar as semelhanças nos termos de futebol nas duas línguas e vão aparecendo imagens das conquistas e marcos históricos das duas Seleções "Dois países, uma única forma de entender o futebol", lê-se no final do vídeo.

Nos discursos dos presidentes das federações que se seguiram, foi destacado que é precisamente este ano que se assinalam os 100 anos do primeiro dérbi Ibérico entre a seleção nacional portuguesa e a espanhola.

"Mais do que uma união, é uma força. O futebol é parte da nossa história, parte do nosso ADN", destacou o presidente da Federação espanhola que prometeu que, "se nos derem a confiança, encontrarão nos nossos países uma experiência inesquecível".

"Que ano melhor para anunciar a candidatura", sublinhou Fernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), recordando que Portugal e Espanha ganharam os últimos três campeonatos europeus de futebol. O responsável da FPF assinalou ainda que "o Euro 2004 [organizado por Portugal] continua a ser destacado como uma experiência exemplar". "Há um ano, em plena pandemia, Portugal e Espanha deram a mão à Europa e organizaram finais da Liga dos Campeões. Há uma semana, na cidade do Porto, voltámos a dar as mãos para receber a final da Liga dos Campeões", afirmou.

Após os discursos, seguiu-se a assinatura dos protocolos e a leitura do acordo governamental conjunto para a organização da competição. Perdro Sánchez e António Costa assinaram o documento no final do evento.

Ver comentários