Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Fogo no Jardim Zoológico de Chester matou vários animais

Prejuízo em zoo inglês está avaliado em 55 mil euros. Insetos, sapos, peixes e pequenos pássaros não conseguiram ser salvos.
16 de Dezembro de 2018 às 15:31
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais
Fogo no zoo de Chester matou vários animais

Um comunicado oficial do Jardim Zoológico de Chester, no Reino Unido, avançou que o fogo que atingiu a exposição da Floresta das Monções este sábado acabou por matar alguns animais da parte do parque que ardeu. Insetos, sapos, peixes e pequenos pássaros não foram salvos a tempo.

Uma pessoa que estava a visitar o local precisou ser assistida por inalação de fumo, mas o incidente não fez nenhum outro ferido entre o público ou os trabalhadores.

O gerente de operações do Jardim Zoológico, Jamie Christon, adiantou que os trabalhadores estão "devastados" pela morte dos animais. "Parte-nos o coração perder qualquer animal, especialmente quando os tratadores trabalharam tanto para conservar espécies maravilhosas", revela ao jornal The Sun.

Além das vidas perdidas, a administração calcula um prejuízo de cerca de 55 mil euros. No entanto, esse problema foi resolvido graças à generosidade dos cibernautas, que amealharam o valor em menos de 24 horas, numa campanha de crowdfunding.

O dinheiro foi encaminhado para os responsáveis pelo Jardim Zoológico e será usado para reconstruir a exposição da Floresta das Monções. Isso possibilitou que o local fosse novamente aberto já neste domingo, com exceção das áreas afetadas pelo fogo.

 

fogo incêndio Jardim Zoológico de Chester Reino Unido gerente Floresta das Monções Jamie Christon ambiente
Ver comentários