Helicóptero da Polícia Militar brasileira cai no Rio de Janeiro

Quatro vítimas já foram resgatadas com vida, mas um acabou por morrer horas depois.
14.01.19
Um helicóptero da Polícia Militar brasileira caiu esta segunda-feira na Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro, Brasil. Os quatro tripulantes - dois oficiais e dois praças - que estavam no aparelho foram resgatados com vida.

Dois dos tripulantes resgatados seguiram para o Hospital Central da Polícia Militar (HCPM), no Estácio — um deles com uma das pernas fraturadas.

O sargento Felipe Marques de Queiroz, de 37 anos, ficou 15 minutos preso na cabine submersa e chegou a passar por reanimação a poucos metros do local da queda. Morreu horas depois de ser resgatado.

As equipas de socorro foram acionadas para o local às 8h55 (10h55 em Lisboa), informou a assessoria de imprensa da corporação de bombeiros local. A aeronave estava a fazer um patrulhamento.

Segundo o jornal brasileiro Globo, o aparelho tentava realizar uma aterragem de emergência por causa de uma falha mecânica.






Buscas pelo helicóptero da Polícia Militar que caiu na Baía de Guanabara no Rio de Janeiro
Uma faixa da Linha Vermelha, uma das principais vias do Rio de Janeiro, está interditada para a operação de resgate que já está em andamento, acrescentou a polícia.


pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!