Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

O padre “destemido” que salvou relíquias de uma Notre Dame a arder

Capelão da Corporação de Bombeiros de Paris entrou na catedral para salvar algumas das maiores relíquias religiosas.
16 de Abril de 2019 às 14:01
O padre “destemido” que salvou relíquias de uma Notre Dame a arder
França deitou-se entre lágrimas e chamas. Paris amanhece com Notre-Dame em cinzas
Catedral de Notre-Dame engolida pelas chamas
O padre “destemido” que salvou relíquias de uma Notre Dame a arder
França deitou-se entre lágrimas e chamas. Paris amanhece com Notre-Dame em cinzas
Catedral de Notre-Dame engolida pelas chamas
O padre “destemido” que salvou relíquias de uma Notre Dame a arder
França deitou-se entre lágrimas e chamas. Paris amanhece com Notre-Dame em cinzas
Catedral de Notre-Dame engolida pelas chamas

Jean-Marc Fournier, capelão da Corporação de Bombeiros de Paris, entrou na segunda-feira dentro de uma Notre Dame em chamas para salvar algumas das maiores relíquias religiosas da catedral. Foi um dos responsáveis pela preservação das relíquias, que serão transportadas para o Museu do Louvre, tal como pode ler-se na revista Sábado.

Depois de o fogo deflagrar, na tarde desta segunda-feira, o padre francês entrou "corajosamente" no interior da catedral, tendo salvado uma Coroa de Espinhos que os fiéis acreditam conter partes da coroa usada por Jesus Cristo na crucificação e o Santíssimo Sacramento, escreve a Sky News, que descreve Fournier como o "destemido" que salvou as relíquias de Notre Dame.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)