Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
7

Portas salienta "missão cumprida" pelo Governo

Vice-primeiro-ministro acusa oposição de prometer ilusões.
16 de Maio de 2015 às 22:26
Paulo Portas, vice-primeiro-ministro e líder do CDS-PP
Paulo Portas, vice-primeiro-ministro e líder do CDS-PP FOTO: Estela Silva/Lusa
O presidente do CDS-PP, Paulo Portas, afirmou que a coligação de direita para as eleições legislativas assenta no "interesse nacional", salientou que a missão de tirar o país da bancarrota está cumprida e acusou a opoposição de prometer apenas ilusões.

Em Guimarães, local simbólico escolhido por PSD e CDS para assinarem o acordo de coligação, Paulo Portas salientou que cada um dos partidos tem "valores próprios" e "princípios diferentes" mas que Portugal e os portugueses são razões acima de "todas as outras".

O líder centrista, também vice-presidente do Governo, acusou o PS de "falta de humildade" por não ter reconhecido os "gravíssimos erros" que levaram Portugal a pedir ajuda à troika e afirmou que "não há necessidade " de deitar "tudo fora" e "voltar à casa de partida".
CDS-PP Paulo Portas missão cumprida governo oposição ilusões
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)