Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Guerra entre grupos rivais mata jovem de 20 anos no Seixal

Suspeitos estão em fuga. PJ está no local.
16 de Fevereiro de 2019 às 08:46
A carregar o vídeo ...
Suspeitos estão em fuga. PJ está no local.
Um jovem com cerca de 20 anos morreu na madrugada deste sábado após um tiroteio no parque de estacionamento do supermercado E.Leclerc, na Amora, Seixal.

A PSP recebeu o alerta via 112 pelas 06h29 e movimentou meios para o local, tal como o INEM, mas já nada havia a fazer. Não há detidos até ao momento.

O parque de estacionamento do supermercado E.Leclerc do Seixal situa-se perto de vários bares de diversão noturna na zona da baía do Seixal.

Dois gangues rivais, um do bairro da Quinta da Princesa, no Seixal, e outro da Arrentela, entraram em confrontos durante a madrugada e iniciou-se um tiroteio onde se confirma uma vítima mortal.

O corpo já foi retirado do local e a PJ está a efetuar perícias para conduzir à identificação dos suspeitos.

Estão a ser interrogadas várias testemunhas que assistiram aos confrontos. Ao que o CM conseguiu apurar, foram disparados três tiros e uma das balas acabou por atingir a cabeça da vítima que não resistiu aos ferimentos.

No local estiveram 21 operacionais dos bombeiros e PSP do Seixal e uma equipa da VMER do Hospital Garcia de Horta.

PJ admite que confronto entre gangues esteja na origem de homicídio no Seixal
Já há suspeitos identificados, todos "residentes na zona, em bairros diferenciados", embora a investigação esteja ainda numa fase inicial e seja tudo "muito prematuro".

"Na zona da Quinta da Princesa, Arrentela e Jamaica há grupos de indivíduos e os bairros estabelecem alguma rivalidade. Basta que haja peripécias entre eles para depois haver retaliações quando estão em maioria. Ainda não é possível confirmar [que foi isso que aconteceu], até porque, à partida, o suspeito estaria sozinho e é muito prematuro olhar para o que se passou aqui", explicou à Lusa fonte da PJ.

Segundo este elemento da polícia de investigação criminal, porém, mesmo que ainda seja difícil "identificar os suspeitos pela sua zona de residência", o confronto entre gangues é a possibilidade admitida.

Segundo aquela autoridade, o homicídio, a tiro, ocorreu no parque de estacionamento do supermercado E.Leclerc, na Amora, e vitimou um jovem com 20 anos.

A PJ não conseguiu indicar quantas pessoas estavam no local quando ocorreu o crime, e adiantou que, apesar de já estar a ouvir testemunhos, "ainda não há detenções".

"Estamos a fazer diligências para reconstruir a ocorrência", referiu.
E.Leclerc Seixal Hospital Garcia de Horta PSP questões sociais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)