Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Bancos fecham cinco hotéis CS

Cinco unidades hoteleiras de luxo do Grupo CS, quatro em Albufeira e uma no Douro, vão encerrar, enviando para o desemprego cerca de uma centena de trabalhadores. A decisão foi tomada depois de os três bancos (BCP, Banco Popular e BES) financiadores do empresário Carlos Saraiva, que têm em curso um rigoroso processo de saneamento financeiro do grupo, terem assumido a propriedade dos espaços hoteleiros.

18 de Fevereiro de 2012 às 01:00
grupo cs, hotéis, algarve

No passado dia 1 encerraram as unidades algarvias Salgados Grande Hotel, Salgados Dunas Suites, Pam Village e Solar da Rede Hotel, no Vale do Douro. Para o próximo dia 1 de Maio fecha a Vila das Lagoas, em Albufeira, a unidade que deu o arranque ao megaprojecto da Herdade dos Salgados, que só se mantém em funcionamento porque ainda tem clientes. "Lamentavelmente e a contrariar o que seria expectável, o grupo CS foi forçado a aceitar termos e condições, tendo como consequência, a par da perda de propriedade de alguns imóveis, o cancelamento dos contratos de gestão da CS Hotels, Golf & Resort", assume a administração numa carta enviada aos parceiros e a que o CM teve acesso.

Contactado pelo CM, o porta-voz do Grupo CS confirmou o encerramento. "Essas unidades vão deixar de pertencer ao grupo", assumiu Pedro Loureiro, que confirma que "o corpo de pessoal vai ser reduzido".

"Os contratos de muitos funcionários não foram renovados e outros, contratados a empresas de prestação de serviços, deixaram de ter trabalho", confirmou ao CM Florinda Santos, do Sindicato da Hotelaria do Algarve. Pedro Loureiro assegura que "alguns empregados estão a ser transferidos para as unidades que vão continuar abertas".

grupo cs hotéis algarve
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)