Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Doce ‘fálico’ promete fazer furor

Um doce de forma fálica, com 20 metros de comprimento, vai ser preparado e apresentado por uma confeitaria de Amarante na próxima mostra do vinho verde da cidade, anunciou esta terça-feira
fonte da organização.
5 de Julho de 2011 às 18:41
Doce 'fálico' de Amarante promete ser atracção
Doce 'fálico' de Amarante promete ser atracção FOTO: DR

Fonte da Associação Empresarial de Amarante explicou à Lusa que o doce será uma réplica, em tamanho gigante, dos denominados doces de S. Gonçalo, que têm uma forma fálica.

De quinta-feira a domingo, os visitantes do certame poderão observar um exemplar que vai gastar mais de 90 dúzias de ovos, 70 quilogramas de açúcar e 50 de farinha. 

A confecção deste S. Gonçalo gigante vai demorar cerca de 12 horas, envolvendo sete pessoas.

A organização acredita que vai ser batido o recorde do maior doce de S. Gonçalo alguma vez preparado em Amarante.

Este doce costuma ser comercializado nas festas de S. Gonçalo em Janeiro e também nas festas da cidade, em Junho, esperando por isso atrair a curiosidade de muita gente. 

A forma fálica do doce, que é uma tradição em Amarante, está relacionada com a fama do beato S. Gonçalo como casamenteiro. Durante o Estado Novo, foram proibidos o fabrico e a comercialização do doce, o que acabou com o 25 de Abril de 1974.

A Mostra de Vinho Verde e Tradições de Amarante é organizada pela associação empresarial da cidade e vai decorrer no Parque do Ribeirinho.

Doçaria Amarante S.Gonçalo festas regionais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)