Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Fica preso por tráfico em casa de alterne

Homem foi detido após investigação sobre lenocínio, tráfico de droga e evasão fiscal.
Ana Palma 12 de Outubro de 2019 às 10:36
Casa de alterne
Tribunal
Justiça
Casa de alterne
Tribunal
Justiça
Casa de alterne
Tribunal
Justiça

Um homem, de 43 anos, foi detido pela GNR por tráfico de droga. O traficante é suspeito de fornecer drogas, nomeadamente cocaína e haxixe, a funcionárias e clientes de um estabelecimento de diversão noturna, registado como hospedaria e bar, em Quarteira, onde o Núcleo de Investigação Criminal de Loulé da GNR suspeita que funcionava uma casa de alterne, onde decorriam atividades ilícitas como lenocínio (incentivo à prostituição), evasão fiscal e tráfico de droga.

Quando foi detido quarta-feira, em Almancil, o suspeito, cabo-verdiano, estava a traficar droga, tendo-lhe sido apreendida alguma cocaína. Presente a primeiro interrogatório judicial, no dia seguinte, pela detenção em flagrante e por estar já indiciado no outro processo, o juiz aplicou-lhe a medida de coação mais gravosa, a de prisão preventiva.

Quando a GNR avançou para a operação Guest, centrada no referido estabelecimento, com a colaboração do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras e da Autoridade Tributária, a 18 de agosto passado, foram detidos três indivíduos, com idades entre os 55 e os 57 anos. Dois ficaram em prisão domiciliária e o terceiro está obrigado a apresentações às autoridades. O homem agora detido não estava no local. Foram feitas buscas no estabelecimento - que foi encerrado - e a três residências, em Quarteira e Vilamoura. Foram apreendidas duas armas de fogo, 285 munições, gás pimenta, cocaína, haxixe, 260 preservativos e outro material.

Ver comentários