Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

GNR detém 310 pessoas em ações de fiscalização, 87 por condução sob efeito do álcool

Da lista de detenções constam 64 por condução sem habilitação legal, 45 por tráfico de droga, 17 por furtos, dois por roubo e uma por violência doméstica.
12 de Outubro de 2018 às 12:24
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
A GNR deteve 310 pessoas em flagrante delito nos últimos sete dias, incluindo 87 por condução sob efeito do álcool, cinco por posse de arma proibida e três por incêndio posto, informou esta sexta-feira aquela força de segurança.

Da lista de detenções resultantes das operações realizadas pela GNR entre os dias 05 e 11, em todo o território nacional, constam também 64 por condução sem habilitação legal, 45 por tráfico de droga, 17 por furtos, dois por roubo e uma por violência doméstica.

A atividade da GNR, que visou a prevenção e combate à criminalidade violenta e a fiscalização rodoviária, permitiu ainda a apreensão de 4.230 doses de haxixe, 1.683 doses de cocaína, 279 de heroína, 197 gramas de liamba,45 plantas de canábis, 16 armas brancas, 11 armas de fogo, 578 munições de diversos calibres, sete veículos, 675 artigos contrafeitos e 24.840 euros em numerário.

Quanto ao trânsito, a GNR detetou, em igual período, 9.564 infrações, das quais 3.315 excessos de velocidade, 498 por falta de inspeção periódica obrigatória, 364 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças e 347 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;

Entre as infrações detetadas estão ainda 322 resultantes de anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização, 318 relacionadas com tacógrafos, 277 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei e 201 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.
GNR crime lei e justiça crime polícia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)