Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Herdade da Torre Bela descarta qualquer responsabilidade no abate dos 540 animais

Proprietários ponderam recorrer à justiça para ser ressarcidos dos prejuízos causados.
Lusa 24 de Dezembro de 2020 às 10:46
Herdade da Torre Bela, Azambuja, onde foram abatidos 540 animais
Herdade da Torre Bela, Azambuja, onde foram abatidos 540 animais FOTO: DIREITOS RESERVADOS
A Herdade da Torre Bela, onde foram abatidos 540 animais, descartou hoje qualquer responsabilidade no sucedido, repudiando a forma "ilegítima" como decorreu uma montaria na sua propriedade, e pondera recorrer à justiça para ser ressarcida dos prejuízos causados.

Em comunicado, a Herdade da Torre Bela, situada no concelho da Azambuja, garante que não tem qualquer responsabilidade no sucedido, sustentando que "não era a entidade exploradora da referida caçada nem organizou ou nela participou, direta ou indiretamente".

Nesse sentido, "repudia firmemente a forma errada, ilegítima e abusiva como decorreu" a montaria na sua propriedade no passado dia 17 de dezembro, afirmando ainda que teve conhecimento do abate dos animais "'a posteriori' e apenas através da comunicação social".

Herdade da Torre Bela economia negócios e finanças agricultura e pescas pecuária
Ver comentários