Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Imagens mostram provas do homicídio do jovem Rodrigo Lapa em Portimão

Padrasto, o principal suspeito do crime, está em liberdade no Brasil.
Tânia Laranjo 13 de Junho de 2019 às 21:15
A carregar o vídeo ...
Padrasto, o principal suspeito do crime, está em liberdade no Brasil.

O 'Investigação CM' desta quinta-feira teve acesso em exclusivo ao processo da morte do jovem de 15 anos Rodrigo Lapa, assassinado em fevereiro de 2016.

Em primeira mão, revelamos as fotografias da PJ do local do crime, onde é possível observar os fios utilizados por Joaquim Lara Pinto para estrangular o enteado, assim como o telemóvel de Rodrigo, que foi encontrado 19 meses depois na posse do principal suspeito.

A morte brutal do jovem ocorreu às portas de Portimão. O menor terá roubado dinheiro ao padrasto para comprar um telemóvel. Este terá descoberto, espancado-o violentamente e estrangulado-o até à morte.

O crime terá sido cometido no interior da casa onde Rodrigo morava com a mãe e com o padrasto, Joaquim Lara.

O corpo foi abandonado uma semana depois a menos de 200 metros do local onde tudo aconteceu.

Três anos depois o 'Investigação CM' voltou ao local da tragédia e reconstituiu o momento da descoberta do corpo.

Investigação Investigação Rodrigo Lapa crime lei e justiça polícia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)