Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Manuel Godinho diz que não sabia da decisão do Supremo Tribunal de Justiça

Arguido do processo Face Oculta vai cumprir 13 anos de prisão.
Francisco Manuel 25 de Fevereiro de 2019 às 18:32
Manuel Godinho
Manuel Godinho
Manuel Godinho
Manuel Godinho
Manuel Godinho
Manuel Godinho
Manuel Godinho
Manuel Godinho
Manuel Godinho
Manuel Godinho não sabia da decisão do Supremo Tribunal de Justiça de que terá de cumprir 13 anos de prisão a que foi condenado nem da emissão de mandados de detenção quando às 17h30 chegou à sua residência em Esmoriz, no concelho de Ovar.

Foi a CMTV quem lhe deu a notícia e o arguido do processo Face Oculta mostrou-se bastante surpreendido. Godinho perguntou se teria de cumprir a pena e, quando recebeu a confirmação, ficou em silêncio. 

O 'sucateiro' questionou ainda quanto tempo tinha para se entregar e aproveitou para garantir que nunca tinha fugido e não seria agora que o ia fazer. 

Manuel Godinho ainda não o tinha recebido qualquer notificação do advogado acerca desta decisão do Supremo e revelou à CMTV que iria entrar em contacto para saber se haveria alguma hipótese de recurso.
Ovar Manuel Godinho sucateiro Face Oculta Esmoriz CMTV advogado Supremo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)