Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Pais de Maddie têm 830 mil euros para continuar a financiar investigação

Governo do Reino Unido vai deixar de investir recursos no caso.
Catarina Figueiredo 9 de Fevereiro de 2018 às 10:08
Madeleine McCann
Maddie McCann
Madeleine McCann
Kate e Gerry McCann
Kate e Gerry McCann
Madeleine McCann
Maddie McCann
Madeleine McCann
Kate e Gerry McCann
Kate e Gerry McCann
Madeleine McCann
Maddie McCann
Madeleine McCann
Kate e Gerry McCann
Kate e Gerry McCann
Os pais de Madeleine McCann têm quase 830 mil euros guardados num fundo monetário para continuar a financiar a investigação sobre o desaparecimento da filha, caso o governo do Reino Unido não volte a alargar o prazo e deixe de investir recursos públicos na busca pela menina inglesa, desaparecida há mais de 10 anos da Praia da Luz, em Lagos, já a partir do final do mês de março.

De acordo com informação disponibilizado pelo jornal britânico The Sun, Kate e Gerry dispõem de um saldo de 827.153 mil euros, disponíveis numa conta criada para o fim de financiar a investigação policial, caso o governo deixe de o fazer.

O plafond da conta criada pelo fundo "Find Maddie" ("Encontrar Maddie" em português), foi aumentando ao longo da última década. As duas maiores fontes de crescimento foram essencialmente doações públicas e as receitas geradas pelo livro escrito por Kate McCann: "Madeleine - O Desaparecimento da Nossa Filha e a Busca para a Encontrar".

O casal McCann, ambos com 49 anos, está agora a apenas sete semanas de ver a investigação da Polícia Metropolitana de Londres sobre o misterioso desaparecimento de Madeleine deixar de receber apoio do Estado britânico, caso não surjam novos fundos públicos.

Segundo o The Sun, os próprios investigadores do caso ainda não solicitaram mais financiamento. "Nesta fase não estamos disponíveis para considerar nenhum pedido de financiamento extra", garantiu uma fonte do Ministério do Interior do Reino Unido ao jornal britânico.

Maddie McCann desapareceu quando tinha três anos de um apartamento na Praia da Luz, no Algarve, em maio de 2007, quando os pais estavam num restaurante próximo a jantar com amigos.

Se estivesse viva, Maddie completaria 15 anos em 2018. Os seus irmãos gémeos, Sean e Amelie, acabaram de completar 13 anos.
Ver comentários