Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Passos no velório das vítimas do massacre

Triplo homicídio na Quinta do Conde.
1 de Setembro de 2015 às 14:12
Passos no velório das vítimas do massacre

Pedro Passos Coelho esteve esta terça-feira à hora de almoço no velório do militar da GNR, Nuno Anes, abatido a tiro, na Quinta do Conde.

O primeiro-ministro marcou também presença no velório do agente da PSP e do filho, também mortos a tiro na Quinta do Conde. O agente da PSP, José Pereira, 52 anos, fez parte do Corpo de Segurança Pessoal da PSP e prestava serviço no gabinete de Passos Coelho.

O velório do militar realizou-se na Igreja de Nossa Senhora da Esperança, na Quinta do Conde. Os velórios do agente da PSP e do filho realizaram-se na Igreja da Boa Água, também na Quinta do Conde.

O militar da GNR de 25 anos, Nuno Anes, e o agente da PSP de 52 anos, José Pereira, foram mortos com tiros de caçadeira este sábado à tarde na Quinta do Conde, Sesimbra. Uma terceira vítima, Diogo Pereira de 23 anos, filho do agente da PSP que não se encontrava em serviço no dia do crime, não resistiu aos ferimentos provocados por dois tiros no abdómen e costas, acabando por morrer já no Hospital de São Bernardo, em Setúbal.

O homicida, Rogério coelho, é um homem de 77 anos, avô de Liliana Antunes, ex-concorrente da Casa dos Segredos. Está internado no hospital de São Bernardo. O idoso era vizinho de José e Diogo Pereira e o motivo do homicídio é um desentendimento por causa de um cão. O agente da GNR foi abatido quando chegou ao local, depois do alerta dado pelos moradores.

Pedro Passos Coelho GNR Quinta do Conde PSP velório
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)