Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Saca 200 mil euros com Euromilhões

Burlão engana donos de cafés e papelarias do norte.
Sérgio A. Vitorino 19 de Novembro de 2015 às 13:50
O burlão dizia ser colaborador da Santa Casa e que iria instalar máquinas
O burlão dizia ser colaborador da Santa Casa e que iria instalar máquinas FOTO: Pedro Noel da Luz
Atacou em cafés e papelarias do Norte do País durante mais de um ano. O número de vítimas é já superior a 20, mas a PJ de Lisboa – que deteve agora o burlão – acredita que serão muitas mais.

O homem, 54 anos, abordava os comerciantes e prometia-lhes instalar máquinas de Euromilhões. Conseguiu sacar mais de 200 mil euros – valor apurado mas que deverá aumentar.


Segundo explicou ao Correio da Manhã fonte policial, o burlão, que já está em prisão preventiva, apresentava-se como colaborador do Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.

Convencia as vítimas a tornarem-se mediadores e, como tal, a instalarem a máquina do Euromilhões. Fingia iniciar o processo mas alegava problemas e pedia pagamentos. Avaliava a riqueza das vítimas e exigia entre mil e 40 mil euros. O dinheiro era remetido por correio para uma morada dada pelo suspeito. Atacava longe de Lisboa, onde reside, para não ser localizado.

A Santa Casa alerta que os seus gestores não recebem pagamentos e que a seleção de mediadores é feita através de procedimentos públicos.
burla Euromilhões prisão preventiva Santa Casa da Misericórdia de Lisboa
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)