Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Vândalos atacam cinco carros à pedrada no Porto

Cinco viaturas ficaram destruídas. Uma delas foi alvo de furto.
Nelson Rodrigues 1 de Novembro de 2020 às 09:41
Viaturas foram danificadas
Usaram paralelos para partir os vidros da frente
Viaturas foram danificadas
Usaram paralelos para partir os vidros da frente
Viaturas foram danificadas
Usaram paralelos para partir os vidros da frente
Cinco viaturas foram alvo de vandalismo, na madrugada deste sábado, na rua Cassiano Branco, na zona do Amial, no Porto. Pelo menos um dos carros foi assaltado, tendo sido furtado o rádio. O caso foi comunicado à PSP, que foi chamada ao local. Os donos dos veículos têm agora seis meses para formalizar a queixa.

O ataque terá sido cometido com recurso a paralelos e outras pedras. Os cinco carros tinham o vidro da frente estilhaçado - o que indica que foram arremessados objetos com o intuito de destruir as viaturas. Estavam todas estacionadas ao lado umas das outras. Uma quinta viatura tinha ainda partido o vidro lateral do lado direito. Neste caso, os autores do vandalismo terão levado alguns artigos do interior.

Os moradores da rua, bem junto ao Colégio Luso-Francês, nem queriam acreditar quando se aperceberam que os carros estavam vandalizados. "Esta é uma zona sossegada. Não temos registo de mais situações deste género por aqui. Isto não é normal. Todos com o pára-brisas partidos. O local é calmo e residencial. Estamos admirados com esta situação", contou ao CM um dos moradores da rua.

A PSP foi ao local pouco depois das 11h00. Apesar da zona ser habitacional, com vários prédios, ninguém se terá apercebido do estrondo das pedras a partir os vidros dos carros, durante a madrugada. Também não foram vistas pessoas suspeitas no local. Ao que tudo indica, pode ter-se tratado de uma ou várias pessoas que, ao passarem, foram atirando as pedras.
rua Cassiano Branco Porto Amial PSP crime lei e justiça crime polícia
Ver comentários