Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Criança engasga-se e morre no hospital

Menina estava internada desde quinta-feira.
Tiago Virgílio Pereira 5 de Julho de 2015 às 01:09
Maria Inês morreu ontem após dois dias a lutar pela vida
Maria Inês morreu ontem após dois dias a lutar pela vida FOTO: Bruno Colaço
Uma criança de 15 anos morreu ontem no Hospital de Dona Estefânia, em Lisboa, depois de dois dias a lutar pela vida.

Na quinta-feira, durante o almoço, Maria Inês Antão engasgou-se a comer frango. Os pais ainda tentaram ajudar a menina, que sofria de trissomia 21, mas sem sucesso. "Notou-se que ficou com falta de ar. Ainda tentámos ajudar, com umas pancadas nas costas, mas sem resultados", contou João Antão, pai de Maria Inês.

A menina sofreu uma paragem cardiorrespiratória, foi assistida pelos Bombeiros de Almeirim e transportada para o Hospital de Dona Estefânia, em Lisboa, onde ficou internada, em coma profundo, assistida por ventiladores. A situação clínica não evoluiu e acabou por ser tomada a decisão de desligar a máquina de suporte de vida, o que aconteceu ontem às 19h00. "A família está toda em choque. Como é que isto lhe foi acontecer?", questiona o pai de Maria Inês.

A jovem frequentava a Escola Febo Moniz, na cidade ribatejana, e fazia parte das marchas de Almeirim.

criança engasga-se morte Hospital de Dona Estefânia