Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
4

Lusófona: 8680 com creditação de competências

Número de licenciaturas e mestrados atribuídos pela Lusófona.
Bernardo Esteves e João Saramago 24 de Junho de 2015 às 00:01
O relatório é da Inspeção-Geral da Educação e Ciência
O relatório é da Inspeção-Geral da Educação e Ciência FOTO: Pedro Simões

A Universidade Lusófona de Humanidades e Competências (ULHC) atribuiu 8680 diplomas de licenciatura e mestrado através de processos de creditação de competências, entre 2006 e 2012, refere um relatório da Inspeção-Geral da Educação e Ciência (IGEC) de setembro de 2014 a que o Correio da Manhã teve acesso.

Segundo a IGEC, foi deste universo que foram selecionados, pela própria universidade, os 398 processos em que houve creditação profissional, ou seja, em que a experiência profissional dos alunos foi convertida em unidades curriculares. As irregularidades detetadas nestes procedimentos levaram o Ministério da Educação e Ciência a determinar a anulação de 152 cursos. Entre eles está o processo da licenciatura de Miguel Relvas, que deu origem à investigação iniciada em 2009 pela IGEC.

Mas a IGEC admite que haja um número maior de casos com creditação profissional. "Não é possível a esta equipa garantir que no período de tempo em análise não existam eventualmente outros processos com este tipo de creditação atribuída", refere o relatório.

Uma decisão da Comissão de Acesso a Dados Administrativos obrigou o Ministério da Educação e Ciência a disponibilizar à imprensa os 21 dossiês do processo Lusófona.

----

Para mais informação sobre a Universidade Lusófona veja o Correio da Manhã desta quarta-feira.
Lusófona licenciaturas mestrados ensino educação Universidade Miguel Relvas
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)