Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
5

Marcelo condecora Maria Cavaco Silva e Maria José Ritta

Duas últimas Primeiras-Damas vão receber distinção quinta-feira no Palácio de Belém.
8 de Março de 2017 às 23:54
Maria Cavaco Silva
Maria José Ritta
Maria Cavaco Silva
Maria José Ritta
Maria Cavaco Silva
Maria José Ritta
As ex-primeiras-damas Maria José Ritta e Maria Cavaco Silva vão ser condecoradas na quinta-feira pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, numa cerimónia no Palácio de Belém.

"O Presidente da República decidiu entregar amanhã [quinta-feira], 09 de Março, pelas 18:00, no Palácio de Belém, à Dra. Maria José Ritta e à Dra. Maria Cavaco Silva, as insígnias das condecorações com que decidiu agraciá-las", lê-se numa mensagem divulgada no 'site' da Presidência da República.

Na nota é recordado que também as mulheres dos antigos Presidentes Ramalho Eanes e Mário Soares já tinham sido anteriormente agraciadas.

"A Dra. Maria Manuela Eanes e a Dra. Maria de Jesus Barroso tinham sido agraciadas pelo Presidente Jorge Sampaio", é referido na nota.

Na quinta-feira assinala-se o primeiro aniversário da tomada de posse de Marcelo Rebelo de Sousa como Presidente da República, a 09 de março de 2016.

Maria José Ritta, mulher do antigo Presidente Jorge Sampaio, esteve no Palácio de Belém entre 1996 e 2006, anos em que assumiu a tempo inteiro o papel de "colaboradora número um do Presidente", conforme é referido numa nota biográfica disponível no 'site' do Museu da Presidência.

Ao fim de 30 anos de carreira, Maria José Ritta decidiu deixar a TAP em 1996 e procurou transformar o papel de primeira-dama num lugar de intervenção social.

"Os direitos da criança, a terceira idade, a pobreza, a pessoa com deficiência ou a integração dos socialmente excluídos são alguns dos temas que lhe são caros. Em 2001, preside à Comissão Nacional para o Ano Internacional do Voluntariado, promovendo várias iniciativas que visam incentivar o voluntariado nas mais diversas frentes e contribuir para a elaboração de um plano nacional de promoção e divulgação do trabalho voluntário", é ainda referido na nota biográfica.

Professora universitária de Língua e Cultura Portuguesa, Maria Cavaco Silva, mulher de Aníbal Cavaco Silva, chegou a Belém em 2006 e, durante 10 anos, também desempenhou a 'função' de primeira-dama a tempo inteiro.

Nesse período promoveu e participou em iniciativas em diversas áreas, como a solidariedade, a cultura e a educação e dedicou-se a temas como a infância, a inclusão social e a deficiência.

"Os desafios que as famílias e os jovens enfrentam no mundo atual, ou as novas exigências em matéria de assistência social, sempre fizeram parte da sua agenda de atividades", lê-se na biografia de Maria Cavaco Silva disponível no 'site' do arquivo da Presidência da República.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)