Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
5

Parque Escolar processa empreiteiro de Secundária

A empresa Parque Escolar "acionou os mecanismos legais" contra o empreiteiro responsável pela requalificação na Escola Secundário do Padrão da Légua, em Matosinhos.
5 de Junho de 2013 às 17:41

A Parque Escolar anunciou que ia processar o empreiteiro responsável pela requalificação da escola, depois de, nesta quarta-feira, pais e alunos terem encerrado a escola, como forma de protesto contra a suspensão das obras.

Em resposta escrita a um pedido de esclarecimento da agência Lusa, a Parque Escolar afirma ter "um litígio com o empreiteiro responsável pelas obras de requalificação da Escola Secundária de Padrão da Légua relacionado com o incumprimento na execução do contrato", acrescentando que já "acionou os mecanismos legais, estando a decorrer o respetivo processo administrativo".

Pais e alunos da escola Secundária do Padrão da Légua, em Matosinhos, encerraram hoje a cadeado os portões daquele estabelecimento de ensino, num protesto contra a suspensão das obras. Fonte do Comando Metropolitano da PSP do Porto informaram que os portões foram mais tarde reabertos pela polícia.

Os pais alegaram não haver condições de segurança para os alunos assistirem às aulas e exigem a conclusão das obras.

Parque Escolar Matosinhos Obras Escola Secundária
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)