Barra Cofina

Correio da Manhã

Tecnologia
2

Entregas por drone em 2017

Google segue pisadas da Amazon.
Tiago Ruas 8 de Novembro de 2015 às 15:00
As encomendas por drones são cada vez mais uma realidade
As encomendas por drones são cada vez mais uma realidade FOTO: Google

A Google quer facilitar a vida aos carteiros e vai seguir as pisadas da Amazon, pondo drones a fazer entregas.

A Alphabet – holding que administra a Google – anunciou que quer começar a utilizar drones para entregar encomendas já em 2017. Para isso, terá de chegar a acordo com a Administração Federal de Aviação dos EUA para definir a altitude a que os drones possam voar sem controlo humano.

A Amazon, uma das maiores empresas de comércio eletrónico, já tinha começado em março os testes de entrega de encomendas através de aviões não tripulados (drones). As experiências do serviço Prime Air tiveram início nos Estados Unidos, em Miami (Florida), depois de já se terem iniciado em Nova Iorque e Baltimore.

Entretanto, as autoridades dos EUA estão a avaliar um pedido da Amazon para a criação de um corredor aéreo, entre os 61 e os 122 metros, só para os drones de entregas.
Alphabet Google drones Administração Federal de Aviação EUA Amazon ciência e tecnologia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)