Sindicatos consideram "inqualificável" reunião com Governo sobre carreira de enfermagem

Presidente do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses assegurou que os profissionais vão aderir com "mais força" à greve na próxima semana.
Por Lusa|12.10.18
  • partilhe
  • 0
  • +
O presidente do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) considerou "inqualificável" a reunião negocial desta com o Governo sobre a carreira de enfermagem, assegurando que os profissionais vão aderir com "mais força" à greve na próxima semana.

"Foi uma reunião inqualificável porque, sendo uma reunião negocial entre greves, é inadmissível que o Ministério das Finanças, o Ministério da Saúde e o Governo não tenham apresentado uma nova proposta que vá ao encontro das propostas e das exigências dos enfermeiros que o próprio ministro da Saúde, em nome do Governo, qualificou de soluções e exigências justas", disse José Carlos Martins.

Ao entender que as exigências são justas, o que faria sentido era o Governo "apresentar uma contraproposta com soluções em relação à carreira, ao diploma único, à valorização remuneratória da enfermagem, às questões da aposentação mais cedo e a mecanismos de compensação do risco e da penosidade", próxima daquela que os sindicatos apresentaram, defendeu o sindicalista.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!