Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
9

“O Mundo está mesmo a precisar de tolerância”

Maria Rueff estreia-se na Companhia de Teatro de Almada com uma peça do século XVIII.
Ana Maria Ribeiro 4 de Dezembro de 2017 às 01:30
Maria Rueff e Luís Vicente no palco do Teatro Municipal Joaquim Benite, em Almada, na peça ‘Nathan, o Sábio’
Maria Rueff e Luís Vicente no palco do Teatro Municipal Joaquim Benite, em Almada, na peça ‘Nathan, o Sábio’
Maria Rueff e Luís Vicente no palco do Teatro Municipal Joaquim Benite, em Almada, na peça ‘Nathan, o Sábio’
Maria Rueff e Luís Vicente no palco do Teatro Municipal Joaquim Benite, em Almada, na peça ‘Nathan, o Sábio’
Maria Rueff e Luís Vicente no palco do Teatro Municipal Joaquim Benite, em Almada, na peça ‘Nathan, o Sábio’
Maria Rueff e Luís Vicente no palco do Teatro Municipal Joaquim Benite, em Almada, na peça ‘Nathan, o Sábio’
Maria Rueff nunca tinha trabalhado com a Companhia de Teatro de Almada, mas aceitou o convite do encenador Rodrigo Francisco para ser aia de Luís Vicente na peça ‘Nathan, o Sábio’, de Lessing (1729-1781). Ao CM explicou que o texto encerra uma mensagem fundamental, que é preciso anunciar.

"A peça apela à tolerância, no sentido de entender – e aceitar – as diferenças dos outros e é disso que estamos necessitados", diz. "Tendo em conta as constantes ameaças de guerra, até a nuclear, o Mundo está mesmo a precisar de tolerância e é função dos artistas espalhar a palavra."

Em cena, a atriz dá corpo a uma mulher "de mente pouco aberta" que entra em choque com o patrão, um judeu humanista chamado Nathan (Luís Vicente). Além do prazer que lhe proporciona a oportunidade de contracenar com um ator que muito admira, Maria Rueff diz, ainda, que foi "um privilégio" ser dirigida por Rodrigo Francisco.

"Infelizmente, não tive oportunidade de trabalhar com o Joaquim Benite, mas o Rodrigo carrega essa grande herança. É um encenador rigoroso mas amável, atento e que dá bastante espaço de criação ao ator."
‘Nathan, o Sábio’ estreia no sábado, dia 9, no Teatro Municipal Joaquim Benite, Almada.

PORMENORES
Artistas na vertente visual
O cenário de ‘Nathan, o Sábio’ tem assinatura do pintor Pedro Calapez e os figurinos são do criador António Lagarto. No elenco, estão ainda os atores Guilherme Filipe, André Gomes, João Tempera e Tânia Guerreiro, entre outros.

Regresso em janeiro
O espetáculo de Rodrigo Francisco estará em cena de 9 a 17 deste mês, mas vai regressar em janeiro, para mais uma curta série de apresentações (de 12 a 28). É para ver de quarta a sábado às 21h00, domingos às 16h00. Os bilhetes custam 13 euros, sujeitos a descontos.
Maria Rueff Companhia de Teatro de Almada teatro XVIII teatro atriz
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)