Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

"O Sporting precisa de decência e estabilidade", diz Frederico Varandas

Médico formaliza candidatura à liderança do clube e tem Jorge Jesus na comissão de honra.
26 de Junho de 2018 às 13:57
Frederico Varandas apresenta candidatura ao Sporting
Frederico Varandas apresenta candidatura ao Sporting
Frederico Varandas apresenta candidatura ao Sporting
Frederico Varandas, o médico que deixou a liderança do departamento clínico do Sporting depois dos ataques à Academia de Alcochete, apresentou esta terça-feira a candidatura às eleições do clube, que terão lugar a 8 de setembro. 

"O Sporting precisa de paz, de decência e de estabilidade. O Sporting precisa de competência, de credibilidade, de ser respeitado e de se dar ao respeito. Precisa de liderança. Está a dar-se um processo de normalização do clube, que culmina com as eleições. Estou aqui para anunciar a minha candidatura à presidência do Sporting", disse o canditao, que concorre sob o lema "Unir o Sporting".

"A candidatura tem como missão central unir o Sporting, vamos acabar com os sectarismos, com o bullying, as perseguições por delito de opinião. No Sporting que me proponho líder todos contamos, todos participamos. Não se trata de um sonho poético meu. A união da família sportinguista é importante para a competitividade do clube. A união sustenta a nossa capacidade para fazer frente às adversidades. Serei o presidente de união de todos os sportinguistas, serei também o presidente que garante a transparência na gestão do clube." 

"Sócios já disseram o que tinham a dizer a Bruno de Carvalho"

Sobre a provável candidatura de Bruno de Carvalho nas eleições de setembro, Varandas relativiza: "Os sócios já disseram o que tinham a dizer a Bruno de Carvalho, a votação foi de 71%".

Sobre o caso dos jogadores que rescindiram o contrato, Varandas diz que pretende ser pragmático. "Sempre me dei bem com todos os profissionais do Sporting, Mas eu sou amigo do Sporting. Se eu for, como espero, presidente do Sporting, defenderei o melhor que puder o clube. Se o melhor for retorno deles, ótimo. Se não, lutarei para que o Sporting tenha o maior retorno possível".

Jorge Jesus na lista de honra

Jorge Jesus é um dos apoiantes que estão na comissão de honra de Varandas, mas o candidato garante que isso não quer dizer que esteja a ser equacionado um regresso do treinador a Alvalade. "A 8 de setembro saberei lidar com o treinador que estiver no Sporting". Varandas não diz o que pensa sobre a contratação do treinador Mihajlovic por Bruno de Carvalho nem fala da sua continuidade em Alvalade. "Confio que todos darão o melhor pelo Sporting", diz Frederico Varandas.

Nomes sonantes
Daniel Sampaio e Eduardo Barroso, antigos apoiantes de Bruno de Carvalho, também integram a comissão de honra do candidato. Outro nome que se destaca é o de Francisco Salgado Zenha, filho do antigo deputado socialista e candidato à presidência da República com o mesmo nome, que morreu em 1993.

Dirigentes terão de apresentar declaração de rendimentos 

Frederico Varandas anuncia como uma das medidas que quer implementar a obrigatoriedade de os dirigentes dos órgãos sociais do clube serem obrigados a entregar uma declaração anual de rendimentos ao Conselho Fiscal e de Disciplina. "O Conselho funcionará para o Sporting como a Assembleia para os políticos, terá um poder fiscalizador".




(em atualização)
presidente Frederico Varandas Sporting Academia de Alcochete desporto futebol candidatura
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)