Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Rui Costa ataca presidente do Sporting

Ex-jogador defendeu Jesus e mandou presidente dos leões "presidir"
2 de Outubro de 2013 às 01:00
Rui Costa defendeu Jorge Jesus e disse que “já viu o presidente do Sporting a treinar com a equipa”
Rui Costa defendeu Jorge Jesus e disse que “já viu o presidente do Sporting a treinar com a equipa” FOTO: Luís Manuel Neves e Fernando Ferreira

"Se o treinador do Benfica é para treinar, o presidente do Sporting tem de presidir, e eu já o vi a treinar-se com a equipa." Foi desta forma que Rui Costa, administrador da SAD encarnada, respondeu ao líder leonino Bruno de Carvalho.

O presidente dos leões tinha afirmado que Jorge Jesus deveria limitar-se a treinar e não criticar ou condicionar as arbitragens. "Há treinadores que deveriam preocupar-se mais em treinar as suas equipas e colocá-las a jogar futebol", afirmou Bruno de Carvalho após o empate (1-1) com o Rio Ave, jogo em que os leões foram prejudicados com um penálti que ficou por assinalar.

Os erros dos árbitros têm sido, na realidade, o principal cavalo de batalha dos dirigentes encarnados. Além dos jogadores, do técnico e do presidente das águias, foi agora a vez de Rui Costa mostrar a sua indignação, pois não entende os casos de arbitragem que, segundo o próprio, têm prejudicado o Benfica e beneficiado os rivais. "Subscrevo tudo o que o presidente disse após esse jogo. É uma situação que nos preocupa e temos uma sensação de injustiça. São casos a mais e demasiado flagrantes. Não consigo conceber como o árbitro assistente não conseguiu ver aquele fora de jogo. Há um fiscal de linha que não vê um fora de jogo na Luz, e há outro que vê um penálti inexistente no Dragão", disse ontem Rui Costa, antes da partida da equipa para Paris.

rui costa bruno de carvalho benfica sporting sad presidente ataque
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)