Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

"Não abdicarei de ser presidente do Sporting"

Bruno de Carvalho lamenta assobios e garante estar a lutar "com várias doenças ao mesmo tempo".
8 de Abril de 2018 às 22:55
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho

Bruno de Carvalho falou aos jornalistas após a partida com o Paços de Ferreira, garantindo que não encarou com bons olhos os assobios e os "nomes" que lhe chamaram. 

"Não gostei de ouvir chamarem-me nomes. Vão chamar nomes às famílias deles. Quem me chamou o que chamou tem de aprender que eu não andei na escola com eles. Mas as pessoas são livres de se exprimirem e de serem ingratas", admitiu, salientando que "a ingratidão faz parte da cultura do Sporting". 

"A ingratidão para mim é como música. Já estou vacinado. Se querem a minha demissão há um sítio próprio para isso", disse. 

"Não deixarem de ser nem abdicarei de ser o presidente do Sporting", rematou.

"Não vou voltar a sofrer calado aquilo que passei durante um ano", desabafa, continuando a defender as suas publicações no Facebook. 

"Continuo a achar que o meu post é normal. O que lá está é factual", disse. 

Líder leonino fala sobre "dor forte" no final do jogo
"Tive uma dor forte no final do jogo", lamenta o líder leonino, comentando as imagens que se viram após a partida com o Paços de Ferreira. Na altura, Bruno de Carvalho teve de ser auxiliado para abandonar o banco de suplentes da equipa, em Alvalade. 

Bruno de Carvalho também confessou estar triste pelo facto da semana em que a sua filha irá nascer (Carvalho disse que irá ser pai amanhã) seja marcado de forma tão desagradável, o que está a causar dificuldades na gravidez da mulher.

"De há um mês para cá luto com várias doenças ao mesmo tempo e tenho estado ao lado da minha mulher. Têm sido momentos difíceis para a minha família mas temos superado. Foi um fim de semana estragado, sem nenhum sentido, altamente despropositado. Uma tentativa de colocar os sportinguistas contra mim", lamentou.

"O principal culpado de tudo serei sempre eu e nunca rejeitarei essa responsabilidade", terminou. 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)