Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

44 estudantes norte-americanos infetados com coronavírus após férias da Páscoa no México

Alguns dos passageiros que viajaram para Cabo San Lucas, no México, apanharam depois voos de regresso a casa.
Correio da Manhã 5 de Abril de 2020 às 08:44
Spring break, imagem ilustrativa
Spring break, imagem ilustrativa FOTO: Getty Images
Cerca de 70 jovens na casa dos 20 anos fretaram um avião de Austin, Texas, para o México nas férias da Páscoa.

Os jovens, também chamados de 'spring breakers', viajaram há cerca de duas semanas, mesmo perante a pandemia de coronavírus que assola o mundo e num momento em que a Casa Branca pediu às pessoas que evitassem multidões e viagens aéreas não essenciais.

Um porta-voz da Universidade do Texas, em Austin, confirmou à CNN que 44 pessoas que viajaram para o México testaram positivo para a Covid-19.

De acordo com o Departamento de Saúde Pública de Austin, alguns dos passageiros que viajaram para Cabo San Lucas, no México, apanharam depois voos de regresso a casa.
Os estudantes que deram positivo estão em auto-isolamento, informaram as autoridades de saúde. O presidente da universidade, Gregory L. Fenves, pediu aos alunos que pratiquem o bom senso e pensem na forma como as suas ações podem afetar os outros.
"Enquanto jovens têm menos risco de complicações, mas não estão imunes a doenças graves e à morte por Covid-19", referiu Dr. Mark Escott, da Autoridade Interina de Saúde do Condado de Austin-Travis.

O departamento de saúde pública local e a UT Health UT Health Austin e University Health Services entraram em contato com todos os passageiros do avião. A Universidade do Texas em Austin está também a trabalhar em conjunto com as autoridades de saúde pública.
"A universidade está a trabalhar em estreita colaboração com a Austin Public Health para ajudar no rastreamento de contatos", disse o porta-voz da universidade, JB Bird. "O incidente serve para lembrar a importância vital dos avisos sérios das autoridades de saúde pública sobre os riscos de se infetar com o coronavírus e espalhá-lo para outras pessoas", referiu.

O prefeito Steve Adler emitiu uma ordem de permanência em casa para Austin a 24 de março. Os Estados Unidos da América, que registam até ao momento mais de 3.500 mortes e mais de 113.704 mil casos confirmados de coronavírus, anunciaram a susp+ensão de viagens não essenciais para o México por causa da pandemia.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)