Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Duplo de Bolsonaro humilha jornalistas

Presidente usou comediante para gozar com repórteres que aguardavam pelas suas declarações à porta do Palácio do Planalto.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 6 de Março de 2020 às 01:30
Duplo de Bolsonaro
Jair Bolsonaro
Bolsonaro
jair bolsonaro
Duplo de Bolsonaro
Jair Bolsonaro
Bolsonaro
jair bolsonaro
Duplo de Bolsonaro
Jair Bolsonaro
Bolsonaro
jair bolsonaro
O presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, que tem na imprensa um dos alvos preferidos dos seus ataques e costuma ser particularmente grosseiro com os jornalistas, usou um comediante vestido de chefe de Estado para ridicularizar mais uma vez os profissionais da comunicação social. A provocação ocorreu à saída do Palácio da Alvorada, em Brasília, por entre risos de Bolsonaro e dos seus apoiantes.

Quando o automóvel presidencial parou junto à multidão de populares e jornalistas que aguardavam a saída de Bolsonaro, quem saiu do carro foi o humorista Márvio Lourenço, usando a faixa presidencial e carregando um cacho de bananas, que tentou em vão distribuir aos jornalistas. Dar uma banana é como se chama no Brasil fazer um manguito, gesto muito usado por Bolsonaro quando questionado pelos jornalistas sobre assuntos que o incomodam, nomeadamente, as acusações de ligação dos filhos a corrupção e a milícias.

Bolsonaro saiu a seguir do automóvel e ficou atrás do humorista, instruindo-o a provocar os repórteres, que acabaram por se retirar ao perceberem que o governante não iria responder a qualquer pergunta, nem mesmo ao assunto do dia, a divulgação do PIB mais baixo dos últimos três anos. A encenação foi transmitida em direto nas redes sociais de Bolsonaro.
Jair Bolsonaro presidente Palácio da Alvorada Brasília política liberdade de imprensa
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)