Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Filho de Trump esteve com ex-espião russo

Rinat Akhmetshin acompanhou a advogada russa que em 2016 levou a Trump Jr. informações sobre Hillary Clinton.
Francisco J. Gonçalves 16 de Julho de 2017 às 01:30
Trump com o filho mais velho
Akhmetshin, o ex-espião russo
Trump com o filho mais velho
Akhmetshin, o ex-espião russo
Trump com o filho mais velho
Akhmetshin, o ex-espião russo
Novas revelações sobre a polémica reunião do filho mais velho do presidente Donald Trump com uma advogada russa indicam que um antigo espião russo esteve também presente no encontro de 9 de junho de 2016, na Trump Tower, em Nova Iorque. Rinat Akhmetshin, que agora é lobista, confirmou ter estado na reunião, mas alega que decidiu comparecer à última hora, depois de almoçar com a advogada Natalia Veselnitskaya.

"Para ser sincero, nunca pensei que isto se fosse tornar uma coisa tão importante", afirmou Akhmetshin, que em 2009 se tornou cidadão dos EUA, mas mantendo a nacionalidade russa. Para reforçar que nada teve que ver com a preparação do encontro, assegura que foi à Trump Tower vestido com calças de ganga e t-shirt.

Recorde-se que uma comissão especial está a investigar a interferência russa nas presidenciais de 2016 ganhas por Trump. A reunião de Trump Jr. com a advogada reforçou suspeitas sobre a cooperação da campanha do atual presidente com o Kremlin. Trump Jr. começou por dizer que só ele esteve na reunião, mas soube-se depois que estiveram presentes Jared Kushner, genro e conselheiro de Donald Trump, e Paul Manafort, então diretor de campanha de Trump.

Trump Jr. aceitou reunir-se com a advogada russa depois de ser informado de que ela tinha acesso a informações da espionagem russa sobre Hillary Clinton, candidata democrata às presidenciais.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)