Herói fez frente ao terrorista da Nova Zelândia

Afegão Abdul Aziz, de 48 anos, travou o terrorista durante o ataque à segunda mesquita de Christchurch.
Por Francisco J. Gonçalves|17.03.19
Um afegão de 48 anos impediu o supremacista branco Brenton Tarrant, de 28 anos, de massacrar mais pessoas durante o ataque de sexta-feira a duas mesquitas em Christchurch, na Nova Zelândia. Abdul Aziz, de 48 anos, fez frente ao terrorista quando este atacou a segunda mesquita, no bairro de Linwood, e acabou por forçá-lo a fugir.

Aziz tinha os dois filhos menores, de onze e de cinco anos, no interior da mesquita. Quando o terrorista chegou ao local e começou a disparar, o afegão diz ter corrido para o exterior a gritar, para atrair as atenções do atirador. Tarrant alvejou-o mas não conseguiu atingi-lo, pois escondeu-se atrás de carros. Quando o terrorista voltou ao seu carro para buscar uma nova arma, Aziz diz ter pegado na primeira, que Tarrant largou. Ainda tentou disparar, diz, mas a arma não tinha munições.

"Peguei na arma e atirei-a contra a janela, como uma flecha, e a janela partiu-se", contou, dizendo que nessa altura o terrorista assustou-se. Respondeu com insultos e ameaças mas fugiu.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!