Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

“O meu neto ficou desfeito”

"O meu neto ficou todo desfeito, teve o azar de estar no local errado e ser apanhado pelas bombas". Ester Silva, de 75 anos, residente em Valdevez, Tarouca, viu na televisão a notícia do atentado à bomba em Marraquexe, Marrocos, que matou 16 pessoas e feriu 20, mas "estava longe de imaginar" que nas vítimas mortais estava o seu neto André Costa, de 23 anos.
3 de Maio de 2011 às 00:30
Ester e Rosa Silva, avó e tia de André, mostram a foto do jovem que morreu em Marrocos
Ester e Rosa Silva, avó e tia de André, mostram a foto do jovem que morreu em Marrocos FOTO: Nuno André Ferreira

O jovem, emigrante na Suíça, estava com a namorada e dois amigos na esplanada do café Argana, na praça Jamaa el-Fnaa. "Eu nem queria acreditar mas no domingo uma amiga que está na Suíça disse--me que o meu neto tinha morrido. É uma tragédia muito grande", diz Ester Silva, lavada em lágrimas, adiantando que ainda não teve coragem para falar com a filha. "Foi uma coisa terrível que aconteceu à nossa família", afirmou por seu turno Rosa Maria Silva, tia do jovem que, depois das férias em Marraquexe, tinha previsto uma viagem a Portugal para ser padrinho de casamento de um primo. "O casamento é no sábado e o André estava previsto chegar na quarta-feira [amanhã]. Infelizmente já não está entre nós", adianta.

André Costa nasceu na Suíça e é filho de um casal ali emigrado há mais de 25 anos – a mãe é natural de Valdevez e o pai da aldeia vizinha de Dalvares. Os pais residem em Cadenazzo, no cantão de Ticino da Suíça, junto a Itália, e já exerceram funções directivas na Casa do Benfica daquela localidade.

O jovem estudava e ajudava o pai na carpintaria. Na semana passada foi passar férias a Marraquexe com a namorada e mais um casal amigo. Ele e o amigo foram apanhados no ataque terrorista que lhes tirou a vida. As amigas ficaram feridas com gravidade mas não correm risco de vida. "Ele gostava muito daquela zona. Era a segunda vez que lá ia", diz a tia Rosa Silva. O corpo do jovem emigrante vai ser trasladado amanhã para a Suíça e o funeral realiza-se na quinta-feira. "Não vou poder despedir-me dele", lamenta a avó.

MARROCOS ANDRÉ COSTA TAROUCA PORTUGUÊS ATENTADO
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)