Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

O que é o novichock, o agente nervoso que envenenou o opositor russo Alexei Navalny?

Alemanha já pediu à Rússia que apresente explicações sobre o caso.
Correio da Manhã 2 de Setembro de 2020 às 23:00
Alexei Navalny
 Alexei Navalny, líder da oposição na Rússia
Alexei Navalny inconsciente na maca ao ser retirado do avião
Alexei Navalny
 Alexei Navalny, líder da oposição na Rússia
Alexei Navalny inconsciente na maca ao ser retirado do avião
Alexei Navalny
 Alexei Navalny, líder da oposição na Rússia
Alexei Navalny inconsciente na maca ao ser retirado do avião

O governo alemão confirmou esta quarta-feira o envenenamento do opositor russo Alexei Navalny com novichock depois de este ter dado entrada no passado dia 20 de agosto no hospital de Omsk.

A Alemanha acusou já a Rússia de ter utilizado a substância para envenenar Navalny. Mas este não é caso único.

Em março de 2018 o ex-espião russo Sergei Skripal e a filha foram igualmente envenenados com a substância. O governo britânico expulsou na altura 23 diplomatas russos, depois do governo da Rússia se ter recusado a apresentar uma explicação para o uso da substância.

No mesmo ano, Charlie Rowley e Dawn Sturgess foram encontrados inconscientes em casa, em Wiltshire, Inglaterra. A polícia acabou por revelar que a dupla teria sido envenenada com o mesmo agente nervoso que o ex-espião russo Sergei Skripal. Sturgess morreu uma semana depois em resultado do do envenenamento. Rowley acabou por recuperar a consciência.

Afinal, o que é 
o novichock?
O nome significa "recém-chegado" em russo e aplica-se a um grupo de agentes nervosos desenvolvidos pela União Soviética nas décadas de 1970 e 1980. A substância foi considerada uma arma química de quarta geração, projetada como parte de um programa soviético designado FOLIANT.

O novichock A-230 é, inclusive, descrito como sendo entre 5 e 8 vezes mais potente do que o agente nervoso VX (utilizado para matar o irmão do pai do líder norte-coreano).

Como é que funciona?
Existem diversas variantes desta substância, em formato líquido e também em pó. Algumas versões têm um rápido efeito - 30 segundos a dois minutos - mas outras podem demorar até 18 horas após a exposição.

O novichock bloqueia as ligações entre os nervos para os músculos, provocando o colapso de várias funções corporais. 
A ação letal dos agentes provoca a desaceleração da frequência cardíaca e a obstrução das vias. Os sintomas incluem olhos brancos, à medida que as pupilas ficam mais constrangidas, convulsões, baba e, nos piores casos, coma, insuficiência respiratória e até mesmo a morte.

O que fazer em caso de contacto com a substância?
Em caso de exposição ao novichock, as roupas devem ser imediatamente removidas e a pele lavada com água e sabão. 

Alexei Navalny Omsk Novichock A-230 política saúde organizações internacionais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)