Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Polícia catalã detém dois suspeitos de apoio a terrorismo islâmico

Informação foi divulgado no Twitter por ministro da Administração Interna.
Lusa 27 de Novembro de 2017 às 13:09
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
Mossos d' Esquadra detiveram dois suspeitos de terrorismo em Barcelona
A polícia regional da Catalunha deteve esta segunda-feira, numa operação realizada em Sant Pere de Ribes, nos arredores de Barcelona, duas pessoas que alegadamente faziam propaganda e incentivavam a realização de ações terroristas.

"Dois detidos por enaltecerem o Daesh numa operação dos Mossos [de Esquadra, polícia regional] contra o terrorismo jihadista em Barcelona", revelou o ministro da Administração Interna espanhol, Juan Ignacio Zoido, numa mensagem publicada na rede social Twitter.




Segundo informou a polícia catalã, a operação foi feita na sequência de investigações que duravam há vários meses.

Os Mossos de Esquadra detetaram nas redes sociais alguns administradores de perfis que, de forma coordenada, elogiavam e justificavam ações de grupos terroristas, e também incitavam a que fossem cometidas ações terroristas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)