Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

"Destroços são do MH370"

Destroços achados junto à Ilha de Reunião enviados para França.
Francisco J. Gonçalves 31 de Julho de 2015 às 08:55
Polícias franceses fizeram as primeiras análises ao pedaço de asa encontrado ao largo de Reunião
Polícias franceses fizeram as primeiras análises ao pedaço de asa encontrado ao largo de Reunião FOTO: Reuters
Os destroços de avião encontrados no Índico junto à ilha francesa de Reunião foram esta quinta-feira enviados para França para serem analisados. O objetivo é determinar se pertencem ao Boeing da Malaysia Airlines desaparecido em março de 2014 entre Kuala Lumpur e Pequim. Antecipando-se às verificações periciais, um responsável do governo da Malásia afirmou que o pedaço de asa encontrado "é quase de certeza" do avião que fazia o voo MH370.

"O nosso chefe de investigações deu-me garantias de que se trata da asa de um Boeing 777", afirmou o vice-ministro dos Transportes malaio, Abdul Aziz Kaprawi.

As primeiras perícias apontam realmente para que o objeto encontrado seja parte da asa de um Boeing idêntico ao desaparecido. E a possibilidade de se tratar do MH370 é reforçada pelo facto de o local do achado estar numa rota de correntes capazes de arrastar o aparelho para um local a 4000 km da área onde desapareceu dos radares.

Apesar disso, o primeiro-ministro malaio, Najib Razak, e a Malaysia Airlines refrearam o otimismo de Kaprawi e frisaram que é cedo para ter certezas. Esta cautela responde a críticas das famílias dos passageiros chineses (153 dos 239 a bordo). "Não queremos ouvir de novo que estão 99% seguros de que é o avião. Queremos que o digam quando tiverem 100% de certeza", afirmou Jiang Hui, porta-voz das famílias.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)