Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
3

MORREU EMÍLIO PERES

A Direcção da Organização Regional do PCP/Porto anunciou a morte do médico nutricionista e dirigente comunista Emílio Peres. Tinha 71 anos de idade.
27 de Outubro de 2003 às 18:57
Emílio Peres desenvolvia actividade intensa nos meios científicos e políticos
Emílio Peres desenvolvia actividade intensa nos meios científicos e políticos FOTO: d.r.
Nascido em Ermesinde, a 22 de Julho de 1932, Emílio Peres formou-se em Medicina e especializou-se em Endocrinologia e Nutrição, tendo sido uma das primeiras personalidades a defender publicamente a necessidade de ter cuidados espaciais com a alimentação. Publicou oito livros e dezenas de artigos em revistas científicas e nacionais e fundou o primeiro curso de Ciências da Nutrição, no Porto.
Intelectual e cientista activo, Emílio Peres fundou e dirigiu várias associações científicas e profissionais, entre as quais a Sociedade Portuguesa de Endocrinologia, fundou o curso Viver em Forma na Universidade Popular do Porto, da qual foi presidente, e foi ainda membro das confrarias do pão e do azeite.
No campo político, integrou a Direcção da Organização Regional do PCP/Porto, foi membro da Junta e da Assembleia da Freguesia da Foz do Douro, foi membro da Assembleia Municipal do Porto, foi deputado na Assembleia da República e, nas últimas autárquicas, foi mandatário distrital da candidatura da CDU pelo círculo do Porto.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)