Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Bracarenses voltam a pagar parquímetros

Câmara pretende rever as tarifas e o mapa das ruas em que o estacionamento é pago.
Secundino Cunha 30 de Maio de 2018 às 08:21
Estacionamento à superfície volta a ser pago em 60 ruas da cidade de Braga, após dois meses de interregno
Estacionamento à superfície volta a ser pago em 60 ruas da cidade de Braga, após dois meses de interregno FOTO: Nuno Fernandes Veiga
É já esta semana que o estacionamento à superfície volta a ser pago nas ruas de Braga. O anúncio foi feito esta terça-feira, no final da reunião de câmara, pelo presidente da autarquia. Ricardo Rio assegurou ainda uma revisão, para breve, do mapa das ruas em que o estacionamento é cobrado.

O regresso do pagamento acontece dois meses após a Câmara de Braga ter resgatado a concessão à empresa ESSE, propriedade de António Salvador, na sequência de uma promessa eleitoral de Ricardo Rio e após uma longa luta judicial.
"O que vamos fazer é uma revisão do modelo geral de estacionamento em que, além da questão dos tarifários, pode estar incluída a revisão do mapa de ruas em que é cobrado.

Este ano, ficará fechado o modelo. Terá que ser alvo de uma nova deliberação para ser implementado no início de 2019", explicou o autarca.

O que ficou decidido para já é que as tarifas aplicadas vão continuar a ser as mesmas que eram cobradas pela concessionária do estacionamento e apenas nas cerca de 60 ruas concessionadas no início do processo.

Nos quase dois meses sem estacionamento pago à superfície, a Câmara de Braga terá deixado de receber cerca de 100 mil euros. A ESSE explorou o estacionamento à superfície da cidade durante cinco anos, quando a concessão do anterior executivo era por 15 anos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)